Cadastre-se e receba novidades:

Nome


E-mail

Elemento Fatal – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Baccos – Stud Cajuli

Questor Maximus – Stud Nunes de Miranda

Rufus Gê – Stud Nunes de Miranda

Faraoh Nilo – Stud Capitão

Selo Negro – Stud Cajuli

Podolski – Sinval Domingues de Araujo

Energia Important – Stud Gold Black

Kurdish – Stud Capitão

Final Road – Haras do Morro

Acteon Gaúcho – Stud Hulk

Quarteto de Cordas – Haras do Morro

Ombak Bagusse – Haras Clark Leite

Escasa – Haras do Morro

Roi Plantegenêt – Stud Nunes de Miranda

Isola Di Fiori – Haras do Morro

Dracarys – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Lookforthestars – Haras do Morro

Agassi – Stud Verde

Verso e Prosa – Stud Ilse

Last Hope – Coudelaria Jessica

Ghoul – Stud Verde

Famous Italian – Stud Palura

Risada Gaucha – Coudelaria Pelotense

Violino Solo – Haras do Morro

Gone Hollywood – Stud Verde

Palpite – Haras Clark Leite

Original Sin – Stud Gold Black

Jade Runner – Stud Palura

Obscene – Stud Gold Black









Abril | 2018

Potranca sai dos limites do Hipódromo da Gávea e vai parar no acesso ao Túnel Rebouças
11/04/2018 - 23h30min



Na tarde desta quarta-feira (11/04), a potranca Mary Happy (Shanghai Bobby em Hortelâ Brava), de dois anos de idade, criação e propriedade do tradicional Stud Capitão, realizava trabalho de doma no picadeiro, perto da seta dos 800m da pista de grama. Por algum motivo derrubou seu jóquei e disparou pelo caminho do prado em direção ao padock. Contornou a tribuna dos profissionais e retornou pelo caminho do prado, até a Vila Hípica, passando pelo portão com a Rua General Garzon. De lá disparou em direção ao acesso do túnel Rebouças, sentido Zona Norte. E só parou porque na entrada do túnel um veículo passou por cima de sua guia, prendendo-a e causando o desequilíbrio da potranca, jogando-a ao solo. No percurso ainda teria tido um impacto com um motoqueiro e com um outro veículo na Rua Jardim Botânico. Tal estripolia, segundo o Centro de Operações Rio, causou a interdição de uma das faixas do acesso ao Túnel Rebouças para o seu socorro, proporcionando retenções de veículos na região.

Prontamente, assim que avisadas, as veterinárias Cristina Vieira e Bianca Cascardo dirigiram-se ao local para prestar assistência à potranca que estava visivelmente machucada. Medicada e após um descanso, levantou-se e teve o seu resgate realizado através do trator com a capelinha, devidamente escoltados por motoqueiros da CET-Rio, que deu apoio logístico ao atendimento à potranca. Mary Happy foi trazida ao Hospital Octavio Dupont para medicação e exames complementares.

A redação do Raia Leve conseguiu contato com o titular do Stud Capitão, Dr. Luiz Edmundo Barbosa, que ao atender a ligação e comentar sobre a travessura de sua potranca, de pronto agradeceu a Deus, face o episódio não ter causado vítimas no seu desenrolar. E após ter visto o filme em que Mary Happy rompe o portão da Vila Hípica, indaga que o pesado portão de ferro deveria ter resistido ao impacto, já que Mary Happy é uma potranca de porte médio com aproximadamente 430 kg. Disse ainda que o “portão deveria estar apenas encostado e não trancado”, visivelmente chateado com a situação.

Tão logo tenhamos novas informações da aventureira Mary Happy, informaremos aos nossos leitores.

Clique aqui para ver o vídeo.

Da Redação



<< Anterior Próxima >>










12.893

12.844















Coudelaria Atafona

Coudelaria FBL

Coudelaria Intimate Friends

Coudelaria Jessica

Coudelaria Pelotense

Haras Clark Leite

Haras Iposeiras

Haras Depigua

Haras do Morro

Haras Old Friends

Haras Planície

Haras Vale do Stucky

Jorge Olympio
Teixeira dos Santos

Ronaldo Cramer
Moraes Veiga

Stud 13 de Recife

Stud Brocoió

Stud Cajuli

Stud Capitão

Stud Cariri do Recife

Stud Elle Et Moi

Stud Everest

Stud Gold Black

Stud H & R

Stud Hulk

Stud Ilse

Stud La Nave Va

Stud Palura

Stud Quando Será?

Stud Recanto do Derby

Stud Rotterdam

Stud Spumao

Stud Terceira Margem

Stud Turfe

Stud Verde

Stud Wall Street

  Associação Carioca dos Proprietários do Cavalo Puro-Sangue Inglês