Cadastre-se e receba novidades:

Nome


E-mail

Express do Faxina – Stud AllStar Brasil

Indian Spring – Stud Elle et Moi

Guanabara – Stud Verde

Messiânico – Stud AllStar Brasil

Hotel Dorchester – Stud Cariri do Recife

Salabria – Stud All Star Brasil

Baccos – Stud Cajuli

Guanabara – Stud Verde

Special Envoy – Stud All Star Brasil

Hotel Dorchester – Stud Cariri do Recife

Dr. Phelipe – Stud Cariri do Recife

Real Woman – Stud Gold Black

Que Az – Stud Gold Black

Deluge – Stud Allstar Brasil

Hello Cat – Haras Planície

Hotel Dorchester – Stud Cariri do Recife

Energia Icon – Stud Snob

Nikito – Stud Spumão

Guanabara – Stud Verde

Bebe Frances – Stud Ilse

Great Canal – Coudelaria F B L

Dr. Phelipe – Stud Cariri do Recife

Deep Moment – Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Sweet Nana – Stud Hulk

El Topo – Haras do Morro

Hotel Dorchester – Stud Cariri do Recife

Jon Jones – Sinval Domingues de Araujo

Lover Of Speed – Sinval Domingues de Araujo

Real Woman – Stud Gold Black

Maestro da Serra – Stud Cajuli









Neste espaço são publicadas as manifestações dos nossos leitores.

O RAIA LEVE acolhe opiniões sobre todos os temas ligados ao turfe.
Reserva–se, no entanto, o direito de rejeitar ofensas, acusações insultuosas e/ou desacompanhadas de documentação. Eventualmente, os e–mails poderão ser checados. O site não tem o compromisso de publicar todas as mensagens recebidas. A publicação, quando ocorrer, se dará na íntegra ou parcialmente, privilegiando–se os trechos mais relevantes.

O Raia Leve, depois de pedidos de leitores e deliberação da diretoria da ACPCPSI decide que além da checagem de CPFs e identidade virtual costumeiramente feitas, só publicará mensagens de internautas que respondam e–mail confirmando a identidade. Desta forma, a editoria do site pede aos internautas que respondam e–mail da associação com a máxima rapidez possível quando solicitados a fim de ter a liberação de seu comentário, bem como assegurem–se que o e–mail raialeve@raialeve.com.br esteja definido como um endereço que não seja encaminhado para a caixa de Spam.





Outubro | 2017

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (17/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Prezado João Fernandes, vc está coberto de razão, hj o locutor resolveu indicar PARKOUR, e todos nós sabemos onde chegou..rsrsr, o que eu não entendo, é que dizem que existe uma proibição dos comentaristas dizerem que o joquei errou, mas não existe proibição para locutor dar palpites absurdos e errados. Mais uma vez após o páreo ele não disse uma vírgula sobre onde chegou o cavalinho que ele indicou.

Marcelo Almeida (16/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Retorno aqui para esclarecer que no último sábado recebi uma ligação de um diretor do JCSP, se desculpando e explicando os motivos do atraso dos pagamentos. 

Ficando de equacionar os débitos na data de hoje.

José Flavio Garcia (16/10/2017) - Londrina/PR

O Comissão de Corridas do JCB viu-se obrigada a transferir as corridas da grama para a areia, depois que vários jóqueis reclamaram da perigosa condição da pista neste domingo. Até aí tudo bem, tudo certo. Mas no comunicado transmitido várias vezes pela TV, o responsável pelo texto nos brindou com mais uma pérola. Com excessão do 6º páreo, todos os demais serão corridos em pista de areia? Corretamente, escreve-se exceção. Esse deve ter matado muita aula de português.

Miguel Barros Camara Leao de Souza (16/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

MAIS UMA LAMBANÇA TURFÍSTICA

Ontem mais uma vez os comissários de corrida que estavam de plantão cometeram um erro grosseiro de avaliação e confirmaram a pista do programa . A medida do penetrômetro feita pela manhã estava pouco acima do limite e mesmo assim confirmaram as corridas com oito provas para pista de grama. Sabemos que com a cerca móvel de sete metros na reta além das chuvas que eram previstas o mais sensato seria a transferência das corridas para areia pesada ANTES DA REUNIÃO COMEÇAR. 

Não fizeram isso e mais uma vez fizeram lambança. Estranhamos o fato das pistas terem sido alteradas somente a partir do quarto páreo devido a uma reclamação feita pelos jóqueis. Se reuniram e talvez motivados pela desgarrada de um animal pilotado por Waldomiro Blandi (não fez a curva) no segundo páreo decidiram que não montariam mais na grama. Curioso que mesmo com esta (decisão tomada que era justificada pela falta de segurança para os pilotos) o terceiro páreo na milha foi confirmado para pista de grama.pesada. 

Cabe ressaltar que ao contrário dos dois primeiros páreos que são chamadas sempre traiçoeiras (três anos sem vitória) onde os favoritos deram grandes banhos nesta terceira prova deu a lógica de muitos estudos e do jogo na pedra. 

Cabe a pergunta sobre os apostadores que eventualmente possam ter acertado os dois primeiros páreos da Supertri na grama e que tivessem por exemplo fechando em DROLLIG que corre pouco na areia. Esta situação poderia ter sido evitada caso algum piloto mais experiente desse um galope na volta fechada meia hora antes de se iniciar a reunião. Seria uma medida preventiva que não faria que os comissários de plantão ficassem tendo de dar explicações pouco convincentes.

Esta atitude de avaliação infeliz se refletiu diretamente no movimento geral de apostas que foi muito fraco (R$ 662.000). Se considerarmos que foi um domingo sem praia e com dois páreos de Grupo III dentro da reunião o montante de apostas deixou muito a desejar.

As lambanças não costumam passam impunes e mais uma vez os responsáveis vacilaram de forma grotesca.

Boa sorte a todos para as corridas de logo mais.

Miguel Leão

Luiz Fernando Carvalho (16/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

E os fracassos RETUMBANTES ou melhoras MIRACULOSAS seguem na Gávea. Que tal as performances dos potros do treinador L Esteves no 1° e 2° páreos desse domingo ? Já na entrada da reta, estavam sem nenhuma ação. Engoliram as pules dos sofridos apostadores. Mas com certeza, virão desculpas q não "pegaram" a pista mais pesada e blá blá blá. Até os cavalos dos treinadores "top", FRITAM !

João Fernandes (15/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Esse locutor oficial do Jcbrasileiro não dá uma dentro é só bola fora, hoje 1 páreo disse o seguinte: o cavalo é do vetde entrou de galope, kkk não tirou nem 2 segundo, transmita o páreo normalmente sem fazer graça que a coisa sai mais profissional. 

Boa tarde a todos e boa sorte.

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (15/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Prezado Marcos Carmadella, espero que essa nova regra seja a mesma que é adotada nos Estados Unidos, ou seja prejudicou é desclassificado, não importa onde a CC acha que o animal iria chegar, la o animal tirou 7º lugar e reclamou do vencedor, resultado o vencedor foi pra 7º e o reclamante para 6º, lá a CC não tem uma bola de Cristal pra saber onde o animal chegaria sem o prejuizo, mas aqui no Rio infelizmente é assim, sem nenhuma coerencia confirmam e desclassificam ao bel prazer.

Mauro Roger (15/10/2017) - Cachoeiro de Itapemirim/ES

Diante do grande número de reclamações publicadas neste espaço quanto a prejuízos, falta de critério no julgamento dos páreos por parte da comissão de corridas, me reporto a uma entrevista publicada recentemente neste Raia Leve.

Foi com um jóquei brasileiro que está atuando na Alemanha, se não estou enganado seu nome é C Henrique.

Perguntado sobre o comportamento exigido dos pilotos numa competição, afirmou que a principal orientação é que não haja desvio de linha.

Não pode e ponto final.

Chega a ser cômico se comparado com o que acontece na Gávea,kkkkk

Luiz Edmundo Cardoso Barbosa (15/10/2017) - Niterói/RJ

A Comissão de Corridas e a Pista de Grama

Com rodo o respeito que tenho ao Carlinhos Beloch, a manutenção da pista de grama no dia de hoje, DOMINGO, se constituiu num verdadeiro ATENTADO aos CAVALOS, em primeiro lugar, e aos PROPRIETÁRIOS e APOSTADORES!!!

Aos CAVALOS pois que coloca em risco a sua integridade física bem como a dos jóqueis, bem como expõe treinadores de reconhecida competência, como l Luiz Esteves, ao ridículo, ao vexame, na medida em que seus 2 potros nos 2 primeiros páreos, rateios abaixo de 1,50, fracassaram exclusivamente pelo estado sofrível da lamentável condição da Raia de Grama, se é que se pode chamar essa coisa de Raia de Corrida de Cavalos!

Como se viu pela TV, potros escorregavam, tropeçavam, escapavam, se negavam a fazer curvas, enfim, toda a sorte de escaramuças, como se estivessem numa pista de SKATE ou coisa que o valha!

Os APOSTADORES E PROPRIETÁRIOS, por seu turno, ou viram as suas apostas correrem literalmente pelo RALO da Raia ou ficaram rezando para que os seus potros, de apenas 3 anos, nada sofressem!!!

O STUD CAPITÃO, por seu turno, se viu OBRIGADO a retirar o seu potro LAND, que fazia a sua estréia, apesar de aqui estar, em respeito a sua integridade física, deixando de expô-lo ao fracasso e à quebra, fratura, como ocorreu recentemente com o potro LAWSUIT, perfeitíssimo, SANITO, como dizem os portenhos.

Enfim, fica aqui o meu protesto solitário, mas justo e um pedido especial aos Comissários de Corrida para que não repitam tamanho ABSURDO, mantendo as carreiras em pista INAPROPRIADA para as carreiras.

STUD CAPITÃO

Marcos Carmadella (15/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Ocorrências frustrantes para o apostador das corridas no rio de janeiro vem ocorrendo constantemente.na verdade não existe um critério adotado no caso das desclassificações. no ultimo sábado dia 14 de outubro ocorreram grandes irregularidades durante o desenrolar do 1o. pareo (o jóquei do n. 01 (enderment praticamente deitou em cima do jóquei do n. 03 (negro jet) , impedindo-o de correr, durante grande parte da reta. parece que a comissão não viu nem quis tomar conhecimento do ocorrido. No 4o. pareo do mesmo dia , a cc pediu sindicância para confirmar o pareo. onde houve reclamação do jóquei do animal que tirou em 3o. lugar contra o ganhador. o que vimos foi exatamente o contrario o ganhador (eskimo) nem encostou no reclamante,o que houve foi um desvio do reclamante contra o reclamado. ainda bem que o pareo foi confirmado. já no 5o. pareo o ganhador (chagal de mer) esbarrou durante grande parte da reta no competidor joe fox que tirou em 3o. lugar, prejudicando visivelment e o rival que acabou perdendo o 2o. lugar. com certeza houve alteração no resultado do pareo. o pareo acabou sendo confirmado.AGORA TOMAMOS CONHECIMENTO de que a FEDERAÇÃO INTERNACIONAL DE AUTORIDADES HIPICAS, PASSOU A ADOTAR UMA REGRA QUE SERÁ REFERENCIA PARA AS DESCLASSIFICAÇÕES.ALIAS UMA REGRA QUE JA ESTA PRESENTE NO CODIGO DE CORRIDAS VIGENTE AQUI NO RIO. BASTARÁ APENAS ADOTA-LA COM COMPETENCIA. VAMOS AGUARDAR.

Luiz Fernando Carvalho (14/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Da série METAMORFOSES ambulantes, que tal a atuação do cavalo Gatsby Di Tiger nesse 4º páreo de sábado ? A 28 dias atrás, ele era pule de 1,40 nesse mesmo páreo e contra os mesmos cavalos. Entrou penúltimo as quedas !! Mas passando por uma transformação IMEDIATA, em menos de 1 mês, apareceu outro e perdeu no último pulo, ponteando o páreo todo. Mas até as METAMORFOSES papai do céu castiga...

Diego Vieira (14/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Agradeço ao meu amigo Marcello Borioni pela lembrança e pelas palavras e parabenizá-lo por sua dedicação e seu trabalho ao longo desses anos. Que papai do céu continue iluminando a você e toda sua família.

Um grande abraço.

Diego Vieira

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (12/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Na reunião de segunda -feira achei engraçado um fato inusitado. O André Cunha, meteu o malho num joquei estrangeiro, por uma péssima condução. Porque será que ele não faz a mesma coisa com os amiguinhos dele da Gávea? Será que o Rio de Janeiro possui os melhores joqueis do mundo? rsrsrs

Ps: Não vou citar nomes, pq para qq turfista é desnecessário e todos sabem o que aconteceu alguns anos atrás num jogo tipo quinexata, que valeu um gancho de 2 anos a esses eximios joqueis citados pelos nobres comentarisatas..rsrsr

Que o responsável pela Tv turfe, comissão de corridas, jcb ou seja lá quem for o responsável que faça com que comentaristas e narradores sejam profissionais quando estiverem com um microfone na mão.

Jorge Roberto Gomes Moraes (12/10/2017) - Porto Alegre/RS

Senhores, Bom Dia. Estou Procurando as revistas antigas de TURF e FOMENTO e gostaria, se possível, fazer um anúncio em seu site. Se for viável, gostaria de saber sobre custos e os critérios; se é diário, semanal ou mensal, forma de pagamentos. Segue os termos do anúncio: 

REVISTAS TURF e FOMENTO; Procuro revistas antigas, tenho interesse,falar com JORGE MORAES 

FONES: (51) 99998-2618 ou (51) 3109-1432. 

Aguardo sua resposta.

Obrigado.

Abraço.

Jorge Roberto Gomes Moraes

José Francisco Pereira Sousa (11/10/2017) - Porto Alegre/RS

Parabens ao grande treinador J F Reis, sempre disposto a nos ajudar. Neste ultimo pareo disse que o Ultra Veloz deveria ganhar e fez questão de salientar que o seu outro cavalo George Street estaria na quadrifeta, e não deu outra, fez segundo. Diferente do tal Solanes que se esconde e não fala de suas estreias. Boa noite a todos,inclusive ao sr.que criticou injustamente o Reizinho.

Alberto Faveret (11/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Fiquei sem saber o que fazer !!!!!

No dia 11/09 uma Segunda Feira eu fiz a seguinte SUPERTRI

1º- Famosa Carmen (1) - ganhou rateio 2,20

2º- Set Ly (2) - ganhou rateio 1,80

3º- Jokemaster (7) - Favorito de 1,70 4ºcolocado nunca esteve no páreo ....

Perdi a minha a minha supertri é claro , a minha grande barbada fracassou .

Hoje ao acompanhar a evolução do jogo na pedra do 4º pareo e vi o JOKEMASTER rateando 3,70 eu pensei que em 11/09 havia cometido um erro de avaliação e o cavalo corria pouco mesmo , qual não foi a minha surpresa ao ver o referido animal cruzar o disco com 5 corpos de vantagem e registrando 101 13/100 a milha .(em 11/09 foi 103 e fração)

E assim seguimos fazendo uns joguinhos e também algumas observações para dividir  com os amigos turfistas .

abraço a todos , Alberto.

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (10/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Corrida de Cavalos é algo muito dificil ao mesmo tempo apaixonate. Deveriam as pessoas atuarem em suas áreas especificas, tipo, o turfista aposta, o narrador narra, o comentarista comenta (de preferencia sem bajulações), mas parece que as pessoas preferem falar a besteira que for, ao invés de ficarem caladas. O Sr. Fernando Cury é um excelente narrador, mas tudo isso vai por agua abaixo quando ele fica dando palpites que em 100% das vezes está errado. Hoje tivemos que escuta-lo dizendo que os apostadores deveriam colocar o cavalo número 1 Machine Look na quadrifeta. Pois bem, ele conseguiu a proeza num páreo de 7 animais, send o que 2 ja eram forfaits técnico ( Energia Irado e Eu Amo Tudo Isso), restando 5 animais e o palpite dele nem assim entrou na quadrifeta. Após o páreo parece que ele nunca disse nada, pois não ouvimos nem uma virgula sobre a indicação que ele deu. Volto a falar a mesma coisa. Se todos eles tem o site do joquei para fazerem as indicações que bem entenderem, pq insistem em ficar palpitando na hora do páreo? Sr. Fernando Cury, se dedique apenas a narrar, coisa que o sr. faz muito bem e deixe de lado esses palpites que nada acrescentam e só atrapalham os turfistas. Caso o Sr. prefira insistir nos palpites, não esqueça de dar uma satisfação aos turfistas após o péreo dizendo onde o seu animal chegou.

Abraço a todos desse espaço democrático

Luiz Fernando Carvalho (10/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

E as METAMORFOSES de atuações na Gávea vão de vento em poupa ! O cavalo Jokemaster quando foi franco favorito no dia 17/09, não conseguia nem correr na frente. Foi um 4° lugar pálido em páreo com adversários bem modestos. Eis q 3 semanas depois, ele aparece "outro". Com adversários mais fortes, larga, toma a ponta, tira 2 e 3 e acaba com o páreo. Que transformação !! E a pule foi suculenta: 3,70 ! E vamo q vamo, porque nada acontece. E o q são as entrevistas do treinador J.F.Reis o "reizinho". Suas analises de páreo são BIZARRAS. Seus pensionistas são sempre quase barbada e quando vai analisar os adversários, não acerta nenhum ! Conseguiu esquecer no páre o da sua égua Happy Be, que ele achava com muita chance e não correu nada, de citar como grande adversária a égua q era força inconteste do páreo, Eniandra. Tá difícil...

João Fernandes (10/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Registro :

Ontem no último páreo o nosso querido jóckey I.R.Mendes (Idolo Pop) , não quis nada com o páreo fez a curva na linha 60 e no final ainda tirou um quinto lugar, fiquem de olho na próxima, se valer não perde.

Bom dia a todos e boa sorte.

José Tito de Aguiar (09/10/2017) - São Bernardo do Campo/SP

Como querem recuperar o nosso turfe se programam 11 páreos com início as 13.00 e quando programam 8 com início as 14.00? quando a meu ver e acredito que muitos turfistas de São Paulo o correto seria com 10 ou 11 páreos inicio as 14 e quando 8 ou nove páreos as 14.45.

O horário de verão vem aí e vamos ver qual vai ser a postura dos dirigentes com relação ao horários da corridas.

Diego Fonseca (09/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Está meio complicado de jogar nas corridas do hipódromo da Gávea. O animal entra ultimo no claiming, volta na turma e ganha, não tomando conhecimento dos adversários.Certos Marcadores, amigo de treinador, que na Tv fazem suas marcações, mas na hora do vamos ver, jogam outros animais e não marcam nem para terceiro e ainda gritou:" vamos que é barbada" !!!Eu vi essa cena semana passada e achei graça. Não vejo nenhum problema em fazer outros jogos, porem tem que ser mais profissional.

Marcelo Almeida (09/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Mais uma vez até quando???

São as C.Resende, J.Borges e esse embalagem que fazem o que querem nos páreos de claming.

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (09/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Vem aí o pick de place, sabe-se Deus quando. No caso do vintão está totalmente descartado pois não interessa a PMU uma modalidade de jogo longa, pois se o sujeito por exemplo está bem nos 2 primeiros dias ele deixa de jogar outras modalidades e fica torcendo apenas pelo vintão. Então esse tipo de jogo nem pensar.

ps: gostei do Andre Rodrigues, quando disse: o joquei de VAI NA MINHA fez a curva pela linha 60 e ficou claro que não chegaria, pq veio de muito longe. Pronto, esse é o tipo de comentário que o turfista quer escutar, afinal os turfistas viram o mesmo que o comentarista. Não vejo o pq a Comissão de Corridas proibe comentários assim. Escondendo esse tipo de coisa, é bem pior pois o turfista vai achar mesmo que as corridas tem mutreta.

Ivor Lancellotti (08/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Hipódromos Brasileiros:Miséria total.Nada resolve P.M.U não está resolvendo nada, será que eles ainda não entenderam que o nosso país engatinha em turfe.

Não sei não,mas acho que o movimento de apostas cada vez está de ladeira a baixo.

Tristeza ontem em São Paulo, que movimento irrisório de apostas, de onze páreos com ótima programação.É o caso de desistir.

Aqui no Rio também a coisa está preta.Nada resolve, tribunas vazias e silêncio total.

Sem liberdade de expressão, por serem proibidos, ou por falta de capacidade nossos comentaristas continuam mudos e amedrontados, não falam e não comento nada! Restá para eles ficar danado tiros nas indicações feito bala perdida.São seis ou sete indicadores, um verdadeiro bang bang e não acertam nada de nada.

É triste

José Flavio Garcia (08/10/2017) - Londrina/PR

Era para ser na teoria uma tarde de gala no Hipódromo Paulistano com 11 carreiras, sendo 5 clássicas, inclusive com a segunda etapa da tríplice coroa para potros e potrancas. Tecnicamente as expectativas se confirmaram. Mas o lado financeiro, o que realmente importa para os esforços da nova diretoria em recuperar o turfe paulista, ficou muito abaixo do esperado, desanimador. Basta perceber que foram jogados pouco mais de 50 mil em média por páreo, num total de 531 mil. Na Gávea, em reunião comum de 9 páreos, a média chegou perto de 80 mil, num total de 707 mil. Há alguma razão oculta para essa diferença de números. Os turfistas paulistas não sumiram de uma hora para outr a. Há quem diga que o jogo bancado, leia-se bookmakers, seja o grande problema, já que qualquer aposta mais alta na pedra paulista despenca os rateios.

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (08/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Concordo totalmente com o João Costa Júnior, sobre o que foi dito, o que dizem João é que eles não podem falar mal, mas sendo assim, deixam de ser comentaristas, então estamos numa encruzilhada, se só podem falar bem, jamais comentarão sobre conduções erradas. Sobre o André Rodrigues, no dia que ele foi escalado pela primeira vez para comentar as corridas da Gávea, eu soltei foguetes, isso foi numa noturna de segunda feira e logo de cara ele já deu uma cutucada no L. Henrique pela condução ruim, e foi prontamente interrompido pelo maior puxa saco de todos, o Sr. Celson Afonso. Se essas pessoas são proibidas de falar o que acon tece, me pergunto, o que fazem lá? Se não podem dizer que esse ou aquele joquei errou, ficam naquela cabine fazendo o que? Talvez gastando o ar condicionado.

Boa semana a todos.

José Francisco Pereira Sousa (06/10/2017) - Porto Alegre/RS

Bom dia a todos. Parabéns ao joquei Bernardo Pinheiro,o PINHEIRINHO, por suas joqueadas e vitorias, premiando o seu intenso trabalho na gavea,CTs,e nos outros hipodromos do país. Se ele tivesse 20% das excelentes montarias que são dadas ao glorioso L.Henrique, seria lider disparado da estatistica do RJ. Falei!!!! Em tempo, Tete Morgado espero conhece-la pessoalmente no proximo Bento Gonçalves....

José Francisco Pereira Sousa (06/10/2017) - Porto Alegre/RS

Por favor, Barnasque nos teus comentários sobre as corridas do Cristal, coloca o numero ao lado animal. Facilitaria muito a nossa vida.Obrigado.

Carlos Roberto dos Reis (06/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Boa noite:

Vamos aguardar pra ver quando eles vão decidir começar o pick placê. Pelas últimas informações era pra começar nesta semana.

Vamos ver qual a próxima desculpa.

Roberto

Josué Lacerda da Silva (05/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Sr. Leonardo Ruas de Oliveira.

Agradeço sua preocupação em justificar o erro da minha postagem., porém gostaria de lhe informar que aquela se deu muito antes da declaração de hemorragia, por parte do serviço de veterinária, sofrida pelo animal que é centro dos nossos comentários.

Entretanto, Senhor. 

Nada justifica resultados "sobrenaturais" que vem ocorrendo no HG!

Soma-se à isso, direções "tendenciosas", principalmente por parte de um famosíssimo jóquei que adora pules acima de R$5,00 e detesta pules abaixo de R$2,00. Exceptuando-se, é claro, a importante jaqueta que lhe sustenta.

Outra observação, Senhor:

O ostracismo total da "nossa" C.C. Que fecha os olhos para situações, no mínimo, inusitadas quanto à "galopes" ou "prejuízos" que se passam aos olhos de qualquer mortal.

Obrigado,

Abraços...

Miguel Barros Camara Leao de Souza (05/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Bom dia turfistas

Concordo plenamente com algumas mensagens postadas aqui sobre as corridas na Gávea. Cada vez mais fica difícil fazer um estudo sobre os páreos. Cavalos que um dia correm na frente outros dias correm para uma atropelada etc. O chamado "galope técnico" que cada vez se torna mais frequente. Não sabemos ao certo se por ordem dos treinadores ou não. Os comissários possuem critérios diferentes de avaliação e muitas coisas estranhas seguem acontecendo. 

Programas mal elaborados e que principalmente nas reuniões das terças feiras quase tudo vale. 

Os comentaristas não podem comentar por motivos óbvios e algumas corridas estranhas seguem acontecendo. A desculpa de várias infrações e delitos de raia que acontecem são respondidas de uma forma simplista : "já vimos na Gávea coisas muito piores".

Depois não sabem porque não há renovação no turfe e porque muitos dos apaixonados e viciados pelo esporte dos reis estão migrando para apostas em futebol pelos sites especializados. 

Prêmios baixos criadores se afastando e movimento de apostas aquém da expectativa. 

Alguma perspectiva de melhora? 

Com a palava os dirigentes do JCB e da PMU.

Miguel Leão

Renato Borda (04/10/2017) - Porto Alegre/RS

Caros amigos, prazer em contatá-los, após loongo período distante do turfe, 

Período este, doloroso para mim, desde sempre apaixonado pelo turfe mas, gravemente direcionado pelo inaceitável (des)gerenciamento do turfe brasileiro, mínimas exceções à parte, como bem descreve o turfista ALBERTO FAVERET, em sua realista, recente e evidente postagem. 

Lamentavelmente, como fiz, repetitivamente em inumeráveis ocasiões, por anos a fio.

Infelizmente, foi a primeira postagem, hoje por mim lida e retrata, cristalinamente, não somente o turfe mas o inaceitável Brasil, em que ainda vivemos.

Fã eterno, deste a fundação deste maravilhoso RAIA LEVE, a quem o que resta do turfe brasileiro tudo deve, deixo meu imenso abraço e saudação aos amigos turfistas do site e de todas as paragens..

Quem sabe um dia, o turfe e o Brasil como um todo, se dá conta, de que o caminho das efetivas e felizes realizações, é beeem outro.

Saudações amigos.

Renato Borda

Luiz Fernando Carvalho (04/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Parece que a lambuja de levar muito peso, realmente fazia diferença para a aprendiz V.Mota e agora ela mostra o quanto é fraquinha. Tem dado direções bem ruins e quando tem que disputar no "braço" perde todas. Sua pilotagem na égua Vapt Vupt na segunda feira, foi de chorar. O animal fez da aprendiz gato e sapato. Disparou na reta oposta, foi pra uma briga suicida na curva e na hora da verdade, a égua tinha cansado. Pior direção da semana !

Carlos Eduardo de Santana Teixeira (04/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

É lamentável o que esses "palpiteiros" da tv turfe fazem. Hoje, terça feira montaram uma super tri, com 3 cavalos no primeiro páreo e mais 3 cavalos no segundo, sobrando 7 pareos para o fechamento, ou seja pela aposta mínima, já se foram 63,00. O pior é que quando acabaram de montar a "suposta" super tri, o páreo ja estava largando ou seja, é obvio que não jogaram. Pq dizem que jogam? Querem enganar a quem? Após errarem logo no inicio, com a maior cara de pau, dizem que a partir do segundo páreo o turfista já pode abrir a segunda super tri. Pergunto o seguinte: Todos esses palpiteiros fazem marcações no site do joquei, então p q na hora do páreo ficam inventando um monte de cavalos, confundindo a cabeça dos turfistas. Quando é que teremos profissionalismo nas narrações e comentários?

Claudio da Silva (04/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

No quinto páreo de domingo, o A.M.Souza, montando Concilium, escolheu o caminho errado na reta e jogou o páreo fora. No páreo seguinte ele fez a lição de casa e ganhou.

Alberto Faveret (04/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Corrida de Terça-Feira (03/10) , " Pequena Observação "....

2ºPáreo - Favorito rateio (2,20) nº6 ITAPERUÇU - 6ºcolocado (nunca participou da corrida)

3ºPáreo - Favorito rateio (2,70) nº2 JERÔNIMO - 6ºcolocado (entrou a reta 3º e sumiu)

6°Páreo - 5ºFavorito rateio (7,30) nº7 Vontade de Matar - 2ºcolocado (a cabeça do vencedor)

9ºPáreo - 5ºFavorito rateio (5,80) nº1 Necessario Bold - 1ºcolocado (ganhou disparado) de ponta a ponta , em 19/09 foi segundo no claiming com a V.Mota (2,70) correndo atrás , em 26/09 foi 3º (num páreo de 6 cavalos) na turma com a V.Mota correndo atrás . Talvez esta vitória seja creditada a experiência do V.Gil que não conhecia o cavalo e por conta própria decidiu correr na frente .

Meus caros amigos turfistas , este tipo de performance que mostrei acima se repete toda semana na Gávea , quem acompanha e joga corrida como eu sabe disto , nesta semana me deu vontade de falar sobre e mostrar um exemplo de apenas um treinador(a) que faz isto constantemente , tem uma meia duzia que faz sempre , ficar calado enjoa sabe ..... 

Ps: 1)Eu tinha no meu jogo apenas o JERÔNIMO . 

2) Vamos aguardar o Serviço de Veterinária no caso dos animais descolocados , ou ??? 

Até a próxima , abs , Alberto

Francisco Roberto da Silva (04/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

A média de apostas por páreo da Gávea tinha estabilizado em 80 mil em dias de corridas comuns, às vezes chegando a 90 sempre nas 2ªfeiras. Pelo segundo sábado consecutivo baixou para 70. No domingo passado também, embora influenciada pelo Tarumã. Donde se infere que não é a mudança de data da reunião por si só causadora da debacle. Um dos dias vai receber a programação que era da sexta, sem atrativos técnicos e quantitativos. O handicapeur tem que fazer mágica em certos conjuntos de reuniões onde temos festival de mil metros, já que são sempre marcados para fugir da luz artificial. Vamos ver como se comporta hoje

Claudio da Silva (04/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Prezado Sr. José Francisco Pereira Sousa, se pretende rasgar o código de corridas, informo, se não sabes, que o JCB, tem ouvidoria, onde deveria ser encaminhada tua opinião.

João Fernandes (04/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Queria parabenizar o locutor Thiago, esta dando show em suas narrações, tinha que transmitir mais páreos nos sábados e domingos, muito bom, corridas sem sua narração estão sem graça.

Parabéns nota 10.

Bom dia a todos e boa sorte.

Marcelo Almeida (04/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Quando achamos que chegamos ao limite máximo de assalto, nos deparam com a vitória de Racine no terceiro páreo de domingo.

Égua que vem de derrota em boa lei em claming e vence uma prova especial com seu rateio despencando de R$ 17,10 para R$ 6,50.

Nossos policiais (comissários da c.c.) são muito mais venais do que qualquer político.

Leonardo Ruas de Oliveira (03/10/2017) - Pelotas/RS

Caro Josué entendo sua indignação a respeito dos resultados, mas antes de fazer qualquer observação devemos ter o cuidado de observar vários detalhes que envolve uma corrida de cavalos se vc for na colunas de ocorrências veterinárias verá que o animal kharkov foi acometido de hemorragia grau V, o que dificultou em muito sua atuação, com isso temos que isentar o fracasso do mesmo e a condução do marcelo Gonçalves. Abraços.

Evaldo Dias De Souza (03/10/2017) - São Paulo/SP

Ola.tudo de a todos que navegam neste site bom demais para nos turfistas..AMANTE de uma atividade que e com certeza difamada,Em relaçao a frequentadores que perderam tudo que tinham no jockey.

MENTIRA DIVULGADA...DE BOCA EM BOCA....essa e a pior apresentçao possivel para turfistas de verdade APAIXONADO PELO PSI..mas o que nao me deixa ficar calado e ...ONDE ESTA O PESSOAL QUE ADMINISTRA ESSA ATIVIDADE...o que eu vejo e ....em qualquer atividade que envolve aposta SEMPRE QUEM VAI FAZER O MAIOR MOVIMENTO EM RELAÇAO AO FATURAMENTO SERA ..DA CLASSE MEDIA PARA BAIXO....valor baixo de aposta para muitos...E nao AO CONTRARIO VALOR ALTO PARA POUCOS...NOS BONS TEMPOS CIDADE JARDIM...arquibancada popular cheia...fila em todo os lugares de apostas...restaurante popular cheio(digo isso porque almoçava la dos os domingos ,eu,minha esposa e dois filhos tenho fotos desta epoca),,a coxinha era conhecida e muito boa...em corridas no dia da semana..era fiel passar no jockey ver as corridas e saborear uma coxinha com um cerveja..e bater um papo com amigos...pois era bom de mais..MAS AGORA E...jogo nao atrativo para o pequen ..apostador..se nao veja...o fast...sempre ganha aqueles qu e botam a grana...ou seja ,,sempre vai levar vantagem quem joga por ex:nessa modalida uma quantia maior de inverçao..uma quadrifeta..acumula varias vezes...propagam agora vai chegar a 20.000.00......o coitado que ta se ferrando..ta arriscado nessa hora..tera como concorrente...uma formula daquelas.....O BOM MESMO ERA..deu bomba...encontre a formula mais proxima...como era antigamente...mas de a grana ao apostador que na maioria deles GOSTA MESMO e de acertar um azarao....limite as inverssoes do fast...para determinado valor...divulguem isso..aposta maxima 60.00....minima de 6.00...e sai todo dia leva quem acertar mais ...desempate valor do rateio...E o que nao entendo..e...um curioso ..querendo entender desse jogo vai ao jockey ..e quem ta la pra falar como se aposta...E uma LINDA moça...mas que nem sabe onde esta o rabo do cavalo...espalhe tenda aos ..sabados e domingos..nas especiais..uma tenda ...aqui vc vai saber ..o que e aposta de vencedor...outra ..de place...outra de dupla...para cada modalidade de aposta uma tenda..convoque turfistas da antiga pra da uma aula ..se precisarem que em um domingo ou sabado...fico la ..atendendo..estacionamento..chegou no primeiro pareo e so foi embora no ultimo nao paga....como ir ao jockey se a conduçao ..nem facilidade tem...O QUE EU VEJO MESMO E..gente que ta cuidando de vender isso mas que ele mesmo nao compraria... ou seja se quem vende nao compra seu produto...ta destinado a quebrar...ou seja..faliu...ACORDE AI PESSOAL...QUAL A POPULAÇAO DE SP....TEM TURISTA POR AQUI....E SE TIVER ....AI E UM PONTO TURISTICO...

Josué Lacerda da Silva (02/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Gostaria de "parabenizar" os animais Kharkov e Fopiano, treinados por uma mesma linhagem de profissionais, bela belíssima inversão de  valores demonstrada na última reunião do dia 25/09/2017.

Lindo galope do primeiro!

Não menos lindo galope do segundo!

Será que o turfe não mudará nunca?

Sem mais para o momento, e com todo o respeito aos turfistas:

boa carreira hoje!

Se possível, sem "inversão de valores"!

Francisco Rodrigues (02/10/2017) - Rio de Janeiro/RJ

Não teremos mais corridas do cristal. 

Poderíamos voltar com as corridas das sextas-feiras com um horário razoável começando as 18hs, essa corridinha de terça-feira está com os dias contados. 

Ou acaba logo com a 4*reunião deixando as 3 sábado/domingo/segunda. E fazendo uns pareos mais atrativos.

Carlos Mathias Henz (02/10/2017) - Porto Alegre/RS

Quero parabenizar Leandro Mancuso pela coluna bastidores da gávea tudo que o turfista gosta de saber de bastidores e informações estão nela ajudando e muito o apostador e a coluna de estreias tb pq estamos longe e as informações com os treinadores das estreias ajuda muito grande abraço Parabéns ao raia leve e ao grande Leandro Mancuso.

Jose Luis Lobo (01/10/2017) - Curitiba/PR

Estimado Paulo Gama,

Agradeço imensamente suas palavras; procuramos sempre fazer um trabalho, que esteja à altura deste evento.

Gostaria muito de tê-lo conosco em 2018

Grande abraço.

José Francisco Pereira Sousa (01/10/2017) - Porto Alegre/RS

E aí, Presidente do jóquei club do rs(CRISTAL) nove páreos e um movimento total de R$101.216,26...Que vergonha!!! O Sr não pensa no mal que está fazendo a dezenas de famílias que dependem do CRISTAL para o seu sustento. Até onde vai a sua arrogância e intransigência? Pensei que só no STJ tivéssemos um JOÃOZINHO DO PASSO CERTO, mas aqui na zona sul de Porto Alegre temos outro participante desse seleto clube.. Que horror!!!!!!

José Francisco Pereira Sousa (01/10/2017) - Porto Alegre/RS

Parabéns, Raia leve, por contar nos seus quadros funcionais com o SR.PAULO GAMA. Ele é ,sem dúvida o melhor comentarista turfista do pais. Dá gosto ler os seus comentários. ABRAÇOS E FELIZ SEMANA A TODOS!!!!











12.813

12.844





















Coudelaria Atafona

Coudelaria FBL

Coudelaria Intimate Friends

Coudelaria Jessica

Coudelaria Pelotense

Haras Iposeiras

Haras Depigua

Haras do Morro

Haras Fazenda Eldorado

Haras Old Friends

Haras Planície

Haras Vale do Stucky

Jorge Olympio
Teixeira dos Santos

Ronaldo Cramer
Moraes Veiga

Stud 13 de Recife

Stud Brocoió

Stud Cajuli

Stud Capitão

Stud Cariri do Recife

Stud Elle Et Moi

Stud Everest

Stud Gold Black

Stud Hulk

Stud Ilse

Stud La Nave Va

Stud Mengão 1981

Stud Palura

Stud Quando Será?

Stud Recanto do Derby

Stud Rotterdam

Stud Spumao

Stud Terceira Margem

Stud Turfe

Stud Verde

Stud Wall Street

  Associação Carioca dos Proprietários do Cavalo Puro-Sangue Inglês