Cadastre-se e receba novidades:

Nome


E-mail

Mac Bol – Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Hunter – Stud Everest

Natural Champion – Coudelaria Jéssica

Joka Tango – Stud Lagoa 26

Mem Cade Ce – Stud Verde

Gladiador Acteon – Stud HRN

Furacão – Stud Ilse

Maestro da Serra – Stud Cajuli

Jorge Cassas – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Ghoul – Stud Verde

Energia Istambul – Stud Ilse

Madame Renata – Stud Palura

Luigi Bros – Haras do Morro

Over–Mint – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Ghoul – Stud Verde

Mem Cade Ce – Stud Verde

Gladiador Acteon – Stud HRN

Joka Tango – Stud Lagoa 26

Baccos – Stud Cajuli

Useiroevezeiro – Stud Cariri do Recife

Hotel Dorchester – Stud Cariri do Recife

Amore Mio – Stud Capitão

Manancial – Stud Everest

Hammana – Stud Verde

Casual Elegance – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Faraoh Nilo – Stud Capitão

Baccos – Stud Cajuli

Questor Maximus – Stud Nunes de Miranda

Casual Elegance – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Luigi Bros – Haras Do Morro








Fevereiro | 2018

Serenidade é a palavra de ordem para Ricardinho
01/02/2018 - 15h55min

João Cotta

Jorge Ricardo participa da abertura das provas da tríplice coroa neste domingo

“Estou mais tranquilo do que nunca. Serenidade nestas horas é a melhor opção”. Esta foi à resposta do campeão dos campeões, Jorge Ricardo sobre como estão suas expectativas quanto ao tão sonhado topo do mundo no número de vitórias. Ricardinho conversou conosco nesta quinta-feira e esclareceu a maior dúvida que paira sobre os turfistas brasileiros: E se igualar o recorde num dos páreos na Gávea domingo ou segunda? Segue montando?

“Caso vença, igualarei o recorde e não montarei os demais páreos. Não é justo com os argentinos. Sou um ídolo para eles também, então não seria justo não compartilhar esta alegria com eles também”, esclareceu Ricardinho, que pretende bater o recorde mundial de jóqueis, que atualmente pertence ao canadense Russel Baze (12.844), na Argentina.

O brasileiro atuará em duas reuniões portenhas  antes de chegar ao Brasil no domingo: na sexta, em Palermo, assinou dois compromissos, já no sábado, ele terá cinco oportunidades em San Isidro.  Perguntado sobre vencer com alguma destas montarias, ele foi incisivo.

“Se tiver faltando apenas uma, vou parar de montar. O importante é chegar aí faltando vitória para igualar o recorde na Gávea. Estou muito feliz em poder estar com os meus torcedores brasileiros neste momento tão importante. Tenhos muitas saudades de montar na Gávea, afinal, vivi momentos únicos por lá”, encerrou o craque.

Portanto, só nos resta aguardar as cenas dos próximos capítulos desta bela história sobre este fenômeno nas rédeas chamado Jorge Antônio Ricardo, de 56 anos, que atua no turfe desde 1976 e carrega no currículo vitórias em importantes provas, muitas estatíticas, enorme determinação e diciplina. O topo do mundo é só uma questão de tempo, as 12.844 estão logo ali. 

por Danielle Franca



<< Anterior Próxima >>










12.920

12.844

















Coudelaria Atafona

Coudelaria FBL

Coudelaria Intimate Friends

Coudelaria Jessica

Coudelaria Pelotense

Haras Clark Leite

Haras Iposeiras

Haras Depigua

Haras do Morro

Haras Old Friends

Haras Planície

Haras Vale do Stucky

Jorge Olympio
Teixeira dos Santos

Ronaldo Cramer
Moraes Veiga

Stud Brocoió

Stud Cajuli

Stud Capitão

Stud Cariri do Recife

Stud Elle Et Moi

Stud Everest

Stud Gold Black

Stud H & R

Stud Hulk

Stud Ilse

Stud La Nave Va

Stud Palura

Stud Quando Será?

Stud Recanto do Derby

Stud Rotterdam

Stud Spumao

Stud Terceira Margem

Stud Turfe

Stud Verde

Stud Wall Street

  Associação Carioca dos Proprietários do Cavalo Puro-Sangue Inglês