Cadastre-se e receba novidades:

Nome


E-mail

Querida Niquita – Stud Cariri do Recife

Hunter – Stud Everest

Invencible Hill – Haras do Morro

Natural Champion – Coudelaria Jéssica

Dúvida – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Casual Elegance – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

King Of Beers – Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Over–Mint – Ronaldo Cramer Moraes Veiga

Roi Plantagenêt – Stud Nunes de Miranda

Hello Cat – Haras Planicie

Morena de Bagé – Stud Capitão

Sib Reality – Coudelaria Atafona

Don Arlindo – Jorge Olympio Teixeira dos Santos

Super Tânia – Stud Elle et Moi

Joe Kobe – Vanessa Ferreira da C.Borioni Escobar

Quarteto de Cordas – Haras do Morro

Feliz Guapo – Stud Verde

É do Verde – Stud Verde

Elusive Gift – Stud Hulk

Festa Pronta – Stud Verde

Joe Kobe – Vanessa Ferreira da C.Borioni Escobar

Energia Important – Stud Gold Black

Magic Citizen – Coudelaria Jessica

Useiroevezeiro – Stud Cariri do Recife

Thunder Jet – Stud Cajuli

Vai Na Minha – Haras do Morro

Dicho – Stud Allstar Brasil

Determined Destiny – Stud Allstar Brasil

La Vida Loca – Stud Wall Street

Useiroevezeiro – Stud Cariri do Recife








Janeiro | 2018

A convidada da semana, joqueta Victoria Mota, comenta suas melhores montarias da semana na Gávea
12/01/2018 - 15h58min

João Cotta

Victoria Mota e seu sorriso cativante, marca registrada da joqueta

A convidada da semana é a aprendiz de joqueta Victoria Mota, carioca de 19 anos, nascida e criada dentro do Hipódromo da Gávea. A jovem é filha de duas importantes figuras no turfe nacional: Alex Mota, ex-piloto gaúcho de grande destaque no turfe brasileiro, e Juliana Dias, ex-treinadora de cavalos, atualmente coordenadora da EPT (Escola de Aprendizes) e apresentadora da TV Turfe.

A joqueta nunca escondeu que o pai foi a sua maior influência para que ela ingressasse na profissão. “Minha mãe sempre colocou na minha cabeça que eu precisava estudar bastante e cursar uma faculdade. A vontade de ser joqueta sempre existiu, mas foi aflorada em 2015, com o retorno do meu pai às pistas. Eu sempre o acompanhei e foi neste momento que eu decidi entrar na escola de aprendizes.” Victoria nos contou também sobre a reação da família com sua decisão. “Primeiro foi um susto para todos eles, porém como achavam que era fogo de palha e que logo eu desistiria, permitiram que ao menos eu tentasse.”

Neste mesmo ano, a “borboletinha”, como é conhecida na Gávea, entrou para escola de profissionais do turfe e deu início a um longo trabalho com o coordenador Marcello Cardoso. “Marcello me ensinou tudo, pegou no meu pé, insistiu muito em mim, foi, e ainda é, um dos meus maiores incentivadores. Até que eu fosse liberada para a raia meus pais nunca se envolveram nas decisões e ensinamentos dele.” Quando a profissional foi liberada para começar a trabalhar nas pistas e seus pais viram que o seu sonho poderia realmente ser realizado, ambos resolveram ajudar como podiam. “Minha mãe me deu todo o apoio emocional, me preparou para as dificuldades, que na euforia do início eu não imaginava que passaria... Como o preconceito por ser mulher em um ambiente dominado por homens, a diminuição da descarga com as mudanças de categoria, a disciplina com a alimentação e os exercícios, entre outras que talvez eu ainda nem conheça!” Sobre os ensinamentos do pai, a menina fala com orgulho. “A partir do momento que entrei na raia e comecei a trabalhar cavalos, meu pai começou a me ajudar. Foi ele que me ensinou a como trabalhar um animal e definir o tempo de um trabalho, separar o tempo... Sempre me cobrava bastante e muitas vezes esteve galopando e trabalhando animais ao meu lado! Quando comecei a montar, ele foi muito presente. Conversávamos a cada páreo... Ele me passava as técnicas de carreira e me ensinava a conhecer o ritmo dos páreos.” A joqueta estreou em 12 de agosto de 2016 e hoje já possui 147 vitórias.

Muitos treinadores, proprietários e colegas de profissão ajudaram Victoria desde o início, mas ela fala com carinho de três pessoas que foram fundamentais no seu crescimento e amadurecimento. “Meu avô (o treinador O.J.M.Dias) além de confiar em mim para trabalhar todos os seus animais e de me acompanhar todos os dias na raia, tem sempre um discurso de ensinamento para me passar. E eu escuto com atenção e respeito todos eles.”

“A treinadora Cristina Resende é uma das minhas maiores apoiadoras e desde o início acreditou em mim. Ela tem total confiança no meu trabalho e me coloca para trabalhar qualquer um de seus animais. Sempre que pode me concede oportunidades e eu só tenho a agradecer por nossa parceria.” Por fim a aprendiz fala do treinador J.F.Reis, que sempre divide o seu conhecimento e ajuda aqueles que estão começando na profissão. “Sorte daqueles que escutam e aplicam tudo o que o Reisinho ensina! Ele ajuda muita gente, mas tem sempre um tempinho especial para me ensinar e, inclusive, um cavalo de sua responsabilidade para que eu possa aplicar seus ensinamentos. Também tenho que agradecer muito a ele.”

E para fechar nossa conversa, eu pergunto a Victoria como ela se sente neste momento de transição, onde passará de aprendiz de primeira categoria a joqueta profissional. “Ir perdendo a descarga não é fácil... Passa a valer agora o meu talento e profissionalismo! Antes muitos me davam a oportunidade para descarregar 3 ou 4kg nos seus animais, hoje a batalha para conseguir manter o mesmo número de oportunidades é muito maior. Tenho ao meu lado o Paulo Gama, que considero o melhor agente de montarias aqui no Hipódromo da Gávea. Ele tem passado por todas essas dificuldades ao meu lado e tem sido incansável na busca por boas montarias. Nós conversamos bastante e todo o conhecimento que ele tem, vai sendo passado para mim aos poucos. Posso dizer que ele é o responsável por me manter sempre motivada! Agora o nosso combinado é

muita dedicação nos matinais e um novo treinamento de força que iniciei na academia, tenho certeza de que isso irá me ajudar muito.”

Aproveitando a oportunidade, pedi a joqueta V.Mota que comentasse a suas melhores montarias nesta semana.

Sábado:

7º páreo – 4. LOIRA TURBINADA

“É uma égua que vem de três segundos neste claiming, o último inclusive foi comigo, na areia onde ela sofre rebate, e vem com grande chance para esse páreo. Acredito muito na vitória e acho minha melhor montaria de sábado.”

Domingo:

4º páreo – 1. BLACK CELLO

“É um potro estreante do Stud BL, irmão materno do ótimo Baccelo que foi exportado para os EUA. Seu staff está o levando em alta conta e acredito ser minha melhor montaria no domingo.”

7º páreo – 1. SABBRA

“Uma potranca levada em alta expectativa pela sua equipe, e apesar de ser um Grande Prêmio sendo a preparatória para o GP Henrique Possolo, com potrancas de altíssimo nível, conto com boa atuação dela. Vejo como forças Etrusca, a mais vitoriosa do lote com 4 vitórias incluindo dois G2, e a Per-Piacere que tem trabalhos excelentes. Mas a Sabbra está muito bem balizada, é uma potranca tranqüila de correr (já montei ela em outra oportunidade) e confio numa boa atuação.”

Segunda-feira:

1º páreo – 2. UN PINGO

“Pegou um pesos especiais na milha, misturado com potros de 3 anos que levam vantagem no peso. Mas ele é um grande cavalo, tem trabalhos e aprontos excelentes para correr esse páreo, e acredito muito na vitória.”

4º páreo – 6. MIDDLE FAST

“Vai encarar uma Prova Especial contra os machos e sua inscrição nessa carreira não foi muito programada, pois só tem chamada de páreo para ela em março, e seus responsáveis não queriam esperar tanto tempo. Vejo como diferença o Comandante Dodge, que volta a atuar de lasix, e sem desmerecer os outros adversários acredito muito no potencial de minha égua.”

6º páreo – 9. ÉTOILE DES ÉTOILES

“Égua também que estamos estendendo para correr um clássico em 2.000m no mês que vem. Pegou um páreo bom e vejo em Electora, que seu treinador disse que na última ela teve uma nutaliose muito forte, sua principal diferença. Mas a Étoile Des Étoiles já está em carreira e acho que ela pode vencer a Electora neste detalhe. Respeito as outras competidoras, mas conto com ótima corrida da minha montaria.”

Por Maria Teresa Morgado



<< Anterior Próxima >>











12.849

12.844















Coudelaria Atafona

Coudelaria FBL

Coudelaria Intimate Friends

Coudelaria Jessica

Coudelaria Pelotense

Haras Clark Leite

Haras Iposeiras

Haras Depigua

Haras do Morro

Haras Old Friends

Haras Planície

Haras Vale do Stucky

Jorge Olympio
Teixeira dos Santos

Ronaldo Cramer
Moraes Veiga

Stud 13 de Recife

Stud Brocoió

Stud Cajuli

Stud Capitão

Stud Cariri do Recife

Stud Elle Et Moi

Stud Everest

Stud Gold Black

Stud Hulk

Stud Ilse

Stud La Nave Va

Stud Palura

Stud Quando Será?

Stud Recanto do Derby

Stud Rotterdam

Stud Spumao

Stud Terceira Margem

Stud Turfe

Stud Verde

Stud Wall Street

  Associação Carioca dos Proprietários do Cavalo Puro-Sangue Inglês